Tendências tecnológicas que moldarão a próxima década

home > Índice de Mundo Facility > Conteúdo
 

Tendências tecnológicas que moldarão a próxima década

Estudo realizado pela McKinsey apresenta 10 tendências que podem impactar as organizações e o mercado de trabalho

Um estudo recém divulgado pela McKinsey & Company, prevê que na próxima década experimentaremos mais progressos tecnológicos do que nos 100 anos anteriores juntos. Apresentando as 10 Tendências Tecnológicas que mais atraem a atenção dos altos executivos e das empresas que eles lideram, um dos objetivos dessa pesquisa é compreender como essas tecnologias vão dominar o cenário de mudança no mundo, e quais os efeitos esperados para evitar choques desagradáveis ​​no sistema, tanto para indivíduos quanto para organizações.

Levando em consideração que o ritmo de mudança no setor de tecnologia sempre foi rápido, o desafio é detectar quais tendências são mais significativas e quais são as menos propensas a dar frutos.

Para conseguir listar as tendências tecnológicas apresentadas a seguir, o estudo analisou registros de patentes, publicações e menções em notícias, que apontassem um interesse público naquela tecnologia, e também pesquisou a quantidade de investimento privado que a tecnologia recebeu, além do número de empresas que realizaram esses investimentos, como um indicativo claro de que existe uma aposta financeira do mercado para uma tendência tecnológica específica.

Confira a seguir quais são essas tecnologias e descubra como elas vão impactar as organizações e como os empregos serão afetados.

Principais tendências tecnológicas

1. Virtualização e Automação de Processos

Cerca de metade de todas as atividades de trabalho existentes poderão ser automatizadas nas próximas décadas. Á medida que todo o patrimônio do ambiente físico migrar para um sistema digital, alcançar o próximo nível de virtualização e automação de processos se tornará algo cada vez mais comum. Nesse sentido, robôs, sistemas de automação, impressão 3D e muito mais gerarão cerca de 79,4 zettabytes de dados por ano.

2. Conectividade

A implementação de conexões mais rápidas, como o 5G e o IoT, em "mobilidade, saúde, manufatura e varejo poderá aumentar o PIB global em US$ 1,2 trilhão a US$ 2 trilhões até 2030", afirma McKinsey. "Disponibilizar uma capacidade de rede maior impulsionará grandes mudanças no cenário de negócios, desde a digitalização de fábricas (através de ferramentas de controle sem fio, máquinas e robôs móveis), até o fornecimento de energia descentralizada e o monitoramento remoto de pacientes", completa.

3. Infraestrutura distribuída

Ainda em 2022, 70% das empresas usarão plataformas de nuvem híbrida ou multinuvem como parte de uma infraestrutura de TI distribuída. "Essa tendência tecnológica ajudará as empresas a aumentar a sua velocidade e agilidade, a reduzir a complexidade, economizar custos e fortalecer suas defesas de segurança cibernética", diz McKinsey.

4. Computação da próxima geração

McKinsey acredita que a computação da próxima geração "ajudará a encontrar respostas para problemas que atormentam a ciência e a sociedade há anos, liberando recursos sem precedentes para as empresas". Isso inclui uma série de desenvolvimentos de longo alcance, desde IA quântica até veículos totalmente autônomos e, como tal, não será uma preocupação imediata para todas as organizações.

5. Inteligência Artificial (IA)

A IA é uma das maiores tendências tecnológicas. À medida que a tecnologia se tornar mais sofisticada, ela será aplicada para desenvolver mais ferramentas, como máquinas de treinamento para reconhecer padrões, que vão agir de acordo com o que detectaram. Até 2024, a fala gerada pela IA estará por trás de mais de 50% das interações das pessoas com computadores.

6. Programação

No Software 2.0, as redes neurais e o aprendizado de máquinas escrevem códigos e criam novos softwares. Então, enquanto poderá haver a criação de aplicativos de softwares mais poderosos e capazes do que qualquer coisa disponível hoje, também possibilitará que os softwares e os processos de codificação existentes sejam padronizados e automatizados.

7. Arquitetura de confiança

Em 2019, mais de 8,5 bilhões de registros de dados foram comprometidos. Uma abordagem para construir uma arquitetura de confiança é o uso de registro distribuído, que é um banco de dados distribuído entre múltiplos dispositivos conectados numa rede descentralizada, como o blockchain. "Além de reduzir o risco de violações, as arquiteturas de confiança reduzem o custo de conformidade com os regulamentos de segurança, reduzem os gastos operacionais e de capital associados à segurança cibernética e permitem transações mais econômicas, por exemplo, entre compradores e vendedores", observa McKinsey.

8. Bio Revolução

Impulsionada por IA, automação e sequenciamento de DNA, a biorrevolução promete o desenvolvimento de terapias genéticas, medicamentos hiper personalizados e orientação baseada em genética sobre alimentação e exercícios.

9. Materiais de última geração

Os desenvolvimentos na ciência dos materiais têm o potencial de transformar vários setores de mercado, como o farmacêutico, energia, transporte, saúde, semicondutores e manufatura, e reconfigurar as empresas dentro deles. Esses materiais incluem o grafeno - uma única camada de átomos de carbono dispostos em uma configuração de rede em favo de mel, que é 200 vezes mais forte que o aço, apesar de sua incrível espessura. Também é um condutor muito eficiente e promete revolucionar o desempenho dos semicondutores. E existe também o dissulfeto de molibdênio - nanopartículas que já estão sendo usadas em eletrônica flexível.

10. Tecnologia limpa

Energia renovável, transporte mais limpo/verde, edifícios com eficiência energética e consumo sustentável de água estão no centro das tendências da tecnologia limpa. À medida que os custos associados à tecnologia limpa caem, seu uso se torna mais difundido e sua interrupção é sentida em um número crescente de indústrias. "As empresas devem acompanhar as oportunidades emergentes de construção de negócios, projetando programas de melhoria operacional relacionados ao desenvolvimento de tecnologia, aquisição, fabricação e redução de custos", acredita a McKinsey.

No dia 29 de junho a Infra FM reunirá especialistas em gestão de climatização e manutenção para falar um pouco mais sobre como as novas tecnologias devem impactar o dia a dia das operações. Participe do 2º Fórum Infra FM de Climatização e Manutenção Predial e tenha uma visão mais estratégica das operações. CLIQUE AQUI e inscreva-se!

Foto: Divulgação​

Envie os nossos conteúdos por e-mail. Utilize o formulário abaixo e compartilhe os link deste conteúdo com outros profissionais. Aproveite e escreve uma mensagem bacana.

Envie os nossos conteúdos por e-mail. Utilize o formulário abaixo e compartilhe os link deste conteúdo com outros profissionais. Aproveite e escreve uma mensagem bacana.

Aproveite para compartilhar conosco o que achou do teor deste conteúdo. Nossa equipe e o mercado querem ouvir a sua opinião. Vamos lá?

Faça uma busca

Acontece

Sugestão da redação

Mundo Facility

EATON comemora 65 anos de Brasil

Transição energética, sustentabilidade e digitalização são os principais focos da empresa

Mundo Facility

As melhores práticas de Climatização e Manutenção para Facility Managers

O evento realizado em parceria com a Smacna Brasil reuniu em modo híbrido mais de 150 participantes em dois dias de programação especializada

Mundo Facility

Mercado Imobiliário aquecido

[Real Estate] GT Building celebra R$ 300 Milhões em VGV, em 2021

Matérias líderes de audiência

Mundo Facility

EATON comemora 65 anos de Brasil

Transição energética, sustentabilidade e digitalização são os principais focos da empresa

Mundo Facility

As melhores práticas de Climatização e Manutenção para Facility Managers

O evento realizado em parceria com a Smacna Brasil reuniu em modo híbrido mais de 150 participantes em dois dias de programação especializada

Mundo Facility

Mercado Imobiliário aquecido

[Real Estate] GT Building celebra R$ 300 Milhões em VGV, em 2021