Grupo Schindler desenvolve padrão global para indústria de elevadores

home > Índice de Mundo Facility > Conteúdo
 

Grupo Schindler desenvolve padrão global para indústria de elevadores

Modelo de Simulação de Tráfego é adotado oficialmente pela ISO para cálculo de circulação de pessoas em edifícios de alta complexidade

A Schindler desempenhou um papel decisivo ao estabelecer o primeiro padrão moderno de planejamento e seleção de elevadores a ser adotado pela indústria do segmento no mundo inteiro. A metodologia baseada em simulações da Schindler e os critérios de design correspondentes agora são reconhecidos pela norma global ISO 8100-32: 2020.

A nova norma fornece orientação para avaliar corretamente os requisitos de transporte em um edifício e, usando o método mais apropriado, para selecionar a instalação de elevador mais adequada.

Lukas Finschi, Head Building Traffic Management da Schindler, destaca a relevância dessa contribuição. "Esta norma ISO ressalta o papel de liderança da Schindler no planejamento de tráfego. Estamos orgulhosos por viabilizar uma base comum que simplificará e trará mais segurança aos arquitetos e projetistas ao planejarem instalações de elevadores".

O novo padrão global foi saudado pelo presidente da ISO / TC 178, Gero Gschwendtner: "Este novo padrão demonstra o resultado do consenso dentro da ISO, um esforço global, onde 28 países participaram integrando seus comentários durante o intenso processo de desenvolvimento".

A nova norma e o mercado brasileiro

No Brasil, a Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT) iniciou a discussão para a revisão da NBR 5665, que estabelece parâmetros para o cálculo de tráfego para os elevadores em edifícios. Como a maior parte das instituições normatizadoras no mundo, a ABNT tende a seguir as diretrizes estabelecidas pela ISO. No caso dos elevadores, arquitetos e projetistas poderão utilizar a metodologia de Simulação de Tráfego, que incorporou o modelo desenvolvido pela Schindler e que vem sendo utilizado globalmente para assessorar seus clientes, desde 2007, orientando o planejamento de transporte vertical e o cálculo da quantidade necessária de elevadores em edifícios de grande complexidade, como conjuntos comerciais, hotéis, ou edifícios residenciais.

Assim como a versão anterior da norma ISO, a NBR 5665 também foi concebida na década de 1980 e orientava o planejamento de tráfego dos elevadores para projeto dos edifícios, exclusivamente com base no conceito do Pico de Subida, ao considerar que a demanda por elevadores era maior somente em determinados horários do dia, como a manhã. Com o passar dos anos e o aumento das populações em prédios comerciais, percebeu-se um constante fluxo de pessoas ao longo de todo o dia, demandando assim uma nova maneira de gerenciar o tráfego dentro dos edifícios, evitando filas e congestionamentos nos elevadores.

O antigo modelo baseado no conceito de Pico de Subida ainda poderá ser utilizado nos projetos de edifícios residenciais ou aqueles de baixa complexidade, onde a demanda de tráfego é mais previsível. Entretanto, o Modelo de Simulação passa a ser a uma diretriz oficial da ISO 8100-32 2020 para o desenvolvimento de projetos mais complexos, como edifícios comerciais, de uso misto e hotéis.

Foto: Divulgação

Envie os nossos conteúdos por e-mail. Utilize o formulário abaixo e compartilhe os link deste conteúdo com outros profissionais. Aproveite e escreve uma mensagem bacana.

Envie os nossos conteúdos por e-mail. Utilize o formulário abaixo e compartilhe os link deste conteúdo com outros profissionais. Aproveite e escreve uma mensagem bacana.

Aproveite para compartilhar conosco o que achou do teor deste conteúdo. Nossa equipe e o mercado querem ouvir a sua opinião. Vamos lá?

Faça uma busca

Acontece

Sugestão da redação

Mundo Facility

Governo lança programa para eliminar 2.000 normas trabalhistas

Medidas prometem reduzir burocracia, poupar tempo e melhorar o ambiente de negócios no país

Mundo Facility

Iluminação em LED

Carta na manga para garantir assertividade em processos logísticos

Mundo Facility

Grupo Albatroz expande área de tecnologia e lança recursos de registro de ocorrências

[Vitrine Facilities] Tecnologia Albabody pode ser aplicada em aeroportos, terminais de transportes, shopping centers, hospitais, indústrias, condomínios e centros de distribuição

Mundo Facility

SaúdeX cria protocolos simples para retorno ao trabalho

[Vitrine Facilities] Soluções customizadas podem atender todos os tipos de negócio

Matérias líderes de audiência

Mundo Facility

Governo lança programa para eliminar 2.000 normas trabalhistas

Medidas prometem reduzir burocracia, poupar tempo e melhorar o ambiente de negócios no país

Mundo Facility

Iluminação em LED

Carta na manga para garantir assertividade em processos logísticos

Mundo Facility

Grupo Albatroz expande área de tecnologia e lança recursos de registro de ocorrências

[Vitrine Facilities] Tecnologia Albabody pode ser aplicada em aeroportos, terminais de transportes, shopping centers, hospitais, indústrias, condomínios e centros de distribuição

Mundo Facility

SaúdeX cria protocolos simples para retorno ao trabalho

[Vitrine Facilities] Soluções customizadas podem atender todos os tipos de negócio